Clube de Programação

Departamento de Informática
View   r35  >  r34  >  r33  >  r32  >  r31  ...

WebHome 35 - 19 Oct 2011 - Main.AlcinoCunha
Line: 1 to 1
 

Bem vindo ao Clube de Programação do DI

Changed:
<
<
Reuniões às quartas às 16h00 em sala a designar.
>
>
Reuniões às quartas às 16h00 na sala 1.09.
 
META FILEATTACHMENT attachment="logo_dhomesphere.jpg" attr="h" comment="" date="1178180610" name="logo_dhomesphere.jpg" path="logo_dhomesphere.jpg" size="7842" stream="logo_dhomesphere.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="logo_enabler.jpg" attr="h" comment="" date="1178180628" name="logo_enabler.jpg" path="logo_enabler.jpg" size="7615" stream="logo_enabler.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"

WebHome 34 - 12 Oct 2011 - Main.AlcinoCunha
Line: 1 to 1
Changed:
<
<

Bem vindo a MFES

Bem vindo à página da edição de 2010/11 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software. O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software. TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros industriais nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área.

<-- , à escala europeia. !-->

Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto de aplicações fiáveis, à escala industrial. Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular.

Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber analisar, testar e avaliar, sem descurar métricas para a qualidade do software.

No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar o carimbo

nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios metodológicos.

Parcerias

Classificação ACM

Número de ECTS por área de conhecimento, segundo as IEEE/ACM Curriculum Guidelines for Software Engineering:

  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Metrics --- 2
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Requirements/Specifications --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software Architectures --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software/Program Verification --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Testing and Debugging --- 4
  • Theory of Computation/LOGICS AND MEANINGS OF PROGRAMS/Specifying and Verifying and Reasoning about Programs --- 6

Citações

There are two ways of constructing a software design: one way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies.

It is easier to write an incorrect program than understand a correct one.

Program testing can be used to show the presence of bugs, but never to show their absence!

Simplicity does not precede complexity, but follows it.

Humor

(Source: Software Development: A Rigorous Approach by C.B. Jones)

>
>

Bem vindo ao Clube de Programação do DI

 
Added:
>
>
Reuniões às quartas às 16h00 em sala a designar.
 
META FILEATTACHMENT attachment="logo_dhomesphere.jpg" attr="h" comment="" date="1178180610" name="logo_dhomesphere.jpg" path="logo_dhomesphere.jpg" size="7842" stream="logo_dhomesphere.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="logo_enabler.jpg" attr="h" comment="" date="1178180628" name="logo_enabler.jpg" path="logo_enabler.jpg" size="7615" stream="logo_enabler.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"

WebHome 33 - 17 Mar 2011 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 7 to 7
 TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.
Changed:
<
<
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros industriais (nacionais e estrangeiros), esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área, à escala europeia.
>
>
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros industriais nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área.
<-- , à escala europeia. !-->
 Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto de aplicações fiáveis, à escala industrial. Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular.
Changed:
<
<
Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.
>
>
Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber analisar, testar e avaliar, sem descurar métricas para a qualidade do software.
 No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar o carimbo
Line: 31 to 32
 
Added:
>
>

Classificação ACM

Número de ECTS por área de conhecimento, segundo as IEEE/ACM Curriculum Guidelines for Software Engineering:

  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Metrics --- 2
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Requirements/Specifications --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software Architectures --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software/Program Verification --- 6
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Testing and Debugging --- 4
  • Theory of Computation/LOGICS AND MEANINGS OF PROGRAMS/Specifying and Verifying and Reasoning about Programs --- 6
 

Citações


WebHome 32 - 10 Mar 2011 - Main.LuisSoaresBarbosa
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 84 to 84
 
META FILEATTACHMENT attachment="quiiq.png" attr="h" comment="" date="1274712228" name="quiiq.png" path="quiiq.png" size="13612" stream="quiiq.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="sig_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1274712627" name="sig_logo.jpg" path="sig_logo.jpg" size="7412" stream="sig_logo.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="primavera.jpg" attr="h" comment="" date="1287498382" name="primavera.jpg" path="primavera.jpg" size="38726" stream="primavera.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="PAS-LN1.pdf" attr="h" comment="" date="1299756722" name="PAS-LN1.pdf" path="PAS-LN1.pdf" size="428693" stream="PAS-LN1.pdf" user="Main.LuisSoaresBarbosa" version="1"

WebHome 31 - 20 Jan 2011 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 7 to 7
 TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.
Changed:
<
<
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área, à escala europeia.
>
>
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros industriais (nacionais e estrangeiros), esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área, à escala europeia.
 
Changed:
<
<
Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
>
>
Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto de aplicações fiáveis, à escala industrial.
 Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular.

Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.


WebHome 30 - 04 Jan 2011 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 7 to 7
 TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.
Changed:
<
<
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na área, à escala europeia.
>
>
Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na sua área, à escala europeia.
 Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial. Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular.

WebHome 29 - 19 Oct 2010 - Main.AlcinoCunha
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 27 to 27
 
Deleted:
<
<
 
Added:
>
>
 

Citações

Line: 82 to 83
 
META FILEATTACHMENT attachment="portrait.png" attr="h" comment="" date="1274710827" name="portrait.png" path="portrait.png" size="32096" stream="portrait.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="quiiq.png" attr="h" comment="" date="1274712228" name="quiiq.png" path="quiiq.png" size="13612" stream="quiiq.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="sig_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1274712627" name="sig_logo.jpg" path="sig_logo.jpg" size="7412" stream="sig_logo.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="primavera.jpg" attr="h" comment="" date="1287498382" name="primavera.jpg" path="primavera.jpg" size="38726" stream="primavera.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"

WebHome 28 - 30 Sep 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Changed:
<
<
Bem vindo à página da edição de 2009/10 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
>
>
Bem vindo à página da edição de 2010/11 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
 O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software. TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

WebHome 27 - 28 Jun 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Line: 14 to 14
 Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.
Changed:
<
<
No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar, nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios, o carimbo
>
>
No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar o carimbo
 
Changed:
<
<
>
>
 
Added:
>
>

nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios metodológicos.

 

Parcerias


WebHome 26 - 28 May 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Bem vindo à página da edição de 2009/10 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.

Changed:
<
<
O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma excelente equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software.
>
>
O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software.
 TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

WebHome 25 - 25 May 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Changed:
<
<
Bem vindo à página da edição de 2009/10 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
>
>
Bem vindo à página da edição de 2009/10 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
 O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma excelente equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software. TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

WebHome 24 - 25 May 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Bem vindo a MFES

Changed:
<
<
Bem vindo à página da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
>
>
Bem vindo à página da edição de 2009/10 da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software.
 O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma excelente equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software. TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

WebHome 23 - 24 May 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
Changed:
<
<

Apresentação

>
>

Bem vindo a MFES

 
Deleted:
<
<
Esta UCE, proposta por membros do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
 
Changed:
<
<
Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.
>
>
Bem vindo à página da UCE de Métodos Formais em Engenharia de Software. O meu nome é José Nuno Oliveira e sou o responsável por esta unidade curricular, que conta com uma excelente equipa de docentes altamente qualificados na investigação e ensino de métodos formais aplicados ao desenvolvimento de software. TFM09.jpg Todos fazemos parte do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), em que se vem consolidando know-how em métodos formais desde há mais de 25 anos.

Nas suas (cerca de) 300 horas anuais de ensino em métodos científicos de programação, incluindo (cerca de) 75 horas de acompanhamento de projectos propostos por parceiros nacionais e estrangeiros, esta UCE é porventura uma das mais expressivas unidades curriculares na área, à escala europeia.

Os módulos que compoem MFES corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial. Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular.

Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.

 No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar, nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios, o carimbo
Added:
>
>

Parcerias

 

Citações

Line: 46 to 64
 
Deleted:
<
<

Parcerias

 

META FILEATTACHMENT attachment="logo_dhomesphere.jpg" attr="h" comment="" date="1178180610" name="logo_dhomesphere.jpg" path="logo_dhomesphere.jpg" size="7842" stream="logo_dhomesphere.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
Line: 66 to 77
 
META FILEATTACHMENT attachment="cartoon.jpg" attr="h" comment="" date="1254245824" name="cartoon.jpg" path="cartoon.jpg" size="234370" stream="cartoon.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="SFV-PL-2up.pdf" attr="h" comment="" date="1271168149" name="SFV-PL-2up.pdf" path="SFV-PL-2up.pdf" size="238466" stream="SFV-PL-2up.pdf" user="Main.MariaJoaoFrade" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="SFV-CurryHoward-2up.pdf" attr="h" comment="" date="1271930193" name="SFV-CurryHoward-2up.pdf" path="SFV-CurryHoward-2up.pdf" size="267612" stream="SFV-CurryHoward-2up.pdf" user="Main.MariaJoaoFrade" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="portrait.png" attr="h" comment="" date="1274710827" name="portrait.png" path="portrait.png" size="32096" stream="portrait.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="quiiq.png" attr="h" comment="" date="1274712228" name="quiiq.png" path="quiiq.png" size="13612" stream="quiiq.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="sig_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1274712627" name="sig_logo.jpg" path="sig_logo.jpg" size="7412" stream="sig_logo.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"

WebHome 22 - 22 Apr 2010 - Main.MariaJoaoFrade
Line: 1 to 1
 

Apresentação

Esta UCE, proposta por membros do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.

Line: 65 to 65
 
META FILEATTACHMENT attachment="critical_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1254242608" name="critical_logo.jpg" path="critical_logo.jpg" size="4411" stream="critical_logo.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="cartoon.jpg" attr="h" comment="" date="1254245824" name="cartoon.jpg" path="cartoon.jpg" size="234370" stream="cartoon.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="SFV-PL-2up.pdf" attr="h" comment="" date="1271168149" name="SFV-PL-2up.pdf" path="SFV-PL-2up.pdf" size="238466" stream="SFV-PL-2up.pdf" user="Main.MariaJoaoFrade" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="SFV-CurryHoward-2up.pdf" attr="h" comment="" date="1271930193" name="SFV-CurryHoward-2up.pdf" path="SFV-CurryHoward-2up.pdf" size="267612" stream="SFV-CurryHoward-2up.pdf" user="Main.MariaJoaoFrade" version="1"

WebHome 21 - 14 Apr 2010 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Apresentação

Changed:
<
<
Esta UCE, proposta pelo Grupo FAST (Foundations and Applications of Software Technology), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
>
>
Esta UCE, proposta por membros do Laboratório HASLab (Formal Methods for High-Assurance Software), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
 Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.

WebHome 20 - 13 Apr 2010 - Main.MariaJoaoFrade
Line: 1 to 1
 

Apresentação

Esta UCE, proposta pelo Grupo FAST (Foundations and Applications of Software Technology), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.

Line: 64 to 64
 
META FILEATTACHMENT attachment="logoPrint.gif" attr="h" comment="" date="1254242517" name="logoPrint.gif" path="logoPrint.gif" size="718" stream="logoPrint.gif" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="critical_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1254242608" name="critical_logo.jpg" path="critical_logo.jpg" size="4411" stream="critical_logo.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="cartoon.jpg" attr="h" comment="" date="1254245824" name="cartoon.jpg" path="cartoon.jpg" size="234370" stream="cartoon.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="SFV-PL-2up.pdf" attr="h" comment="" date="1271168149" name="SFV-PL-2up.pdf" path="SFV-PL-2up.pdf" size="238466" stream="SFV-PL-2up.pdf" user="Main.MariaJoaoFrade" version="1"

WebHome 19 - 22 Oct 2009 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Apresentação

Esta UCE, proposta pelo Grupo FAST (Foundations and Applications of Software Technology), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.

Line: 33 to 33
 
Deleted:
<
<

Humor

 
Simplicity does not precede complexity, but follows it.
Line: 44 to 40
 
Added:
>
>

Humor

(Source: Software Development: A Rigorous Approach by C.B. Jones)

 

Parcerias


WebHome 18 - 30 Sep 2009 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Apresentação

Esta UCE, proposta pelo Grupo FAST (Foundations and Applications of Software Technology), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.


WebHome 17 - 29 Sep 2009 - Main.AlcinoCunha
Line: 1 to 1
Changed:
<
<

Sumário

>
>

Apresentação

 
Changed:
<
<
Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem (ver ao lado) corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
>
>
Esta UCE, proposta pelo Grupo FAST (Foundations and Applications of Software Technology), consolida uma experiência de 25 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
 
Changed:
<
<
Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perpsectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Em particular, aborda-se a síntese de bases de dados e de sistemas de informação por métodos de cálculo simples e eficazes, apoiados por ferramentas desenvolvidas para o efeito. Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.

No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar o carimbo

>
>
Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perspectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.
 
Added:
>
>
No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar, nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios, o carimbo
 
Changed:
<
<
>
>
 
Changed:
<
<
nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios.

Coordenação Científica

Docentes convidados (FEUP)

Classificação ACM

De acordo com IEEE/ACM Curriculum Guidelines for Software Engineering:

  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Metrics - 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Requirements/Specifications - 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software Architectures --- 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software/Program Verification --- 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Testing and Debugging --- 5 ECTS
  • Theory of Computation/LOGICS AND MEANINGS OF PROGRAMS/Specifying and Verifying and Reasoning about Programs --- 5 ECTS
>
>

Citações

 
Added:
>
>
There are two ways of constructing a software design: one way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies.

It is easier to write an incorrect program than understand a correct one.

Program testing can be used to show the presence of bugs, but never to show their absence!

Humor

Simplicity does not precede complexity, but follows it.
 

Parcerias

Changed:
<
<
>
>
 

META FILEATTACHMENT attachment="logo_dhomesphere.jpg" attr="h" comment="" date="1178180610" name="logo_dhomesphere.jpg" path="logo_dhomesphere.jpg" size="7842" stream="logo_dhomesphere.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
Line: 54 to 59
 
META FILEATTACHMENT attachment="LogoCorrectInside.png" attr="h" comment="" date="1178722784" name="LogoCorrectInside.png" path="LogoCorrectInside.png" size="7193" stream="LogoCorrectInside.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" attr="h" comment="" date="1178798305" name="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" path="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" size="75586" stream="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="3"
META FILEATTACHMENT attachment="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" attr="h" comment="" date="1178798346" name="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" path="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" size="75586" stream="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="logoPrint.gif" attr="h" comment="" date="1254242517" name="logoPrint.gif" path="logoPrint.gif" size="718" stream="logoPrint.gif" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="critical_logo.jpg" attr="h" comment="" date="1254242608" name="critical_logo.jpg" path="critical_logo.jpg" size="4411" stream="critical_logo.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="cartoon.jpg" attr="h" comment="" date="1254245824" name="cartoon.jpg" path="cartoon.jpg" size="234370" stream="cartoon.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"

WebHome 16 - 10 May 2007 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Sumário

Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem (ver ao lado) corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.

Line: 52 to 52
 
META FILEATTACHMENT attachment="logo_enabler.jpg" attr="h" comment="" date="1178180628" name="logo_enabler.jpg" path="logo_enabler.jpg" size="7615" stream="logo_enabler.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="logo_sig.jpg" attr="h" comment="" date="1178180646" name="logo_sig.jpg" path="logo_sig.jpg" size="9416" stream="logo_sig.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="LogoCorrectInside.png" attr="h" comment="" date="1178722784" name="LogoCorrectInside.png" path="LogoCorrectInside.png" size="7193" stream="LogoCorrectInside.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" attr="h" comment="" date="1178798305" name="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" path="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" size="75586" stream="QUIIQ+DHOMESPHERE_72dpi.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="3"
META FILEATTACHMENT attachment="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" attr="h" comment="" date="1178798346" name="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" path="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" size="75586" stream="QUIIQ_DHOMESPHERE_72dpi.jpg" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"

WebHome 15 - 09 May 2007 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
 

Sumário

Changed:
<
<
Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem (ver ao lado) corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
>
>
Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem (ver ao lado) corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
 
Changed:
<
<
Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perpsectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Em particular, aborda-se a síntese de bases de dados e de sistemas de informação
>
>
Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perpsectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Em particular, aborda-se a síntese de bases de dados e de sistemas de informação
 por métodos de cálculo simples e eficazes, apoiados por ferramentas desenvolvidas para o efeito. Na sua componente prática, a UCE ensina a conceber e animar modelos de problemas, testando-os atempada e exaustivamente antes de se proceder à fase de cálculo e implementação, por forma a evitar erros de perspectiva ou infantilidades de concepção. Em suma: ensina-se a saber modelar e calcular, sim, mas também a saber testar e avaliar.
Added:
>
>
No seu conjunto, os conteúdos desta UCE pretendem realizar o desígnio de que é possível afixar o carimbo

nos artefactos de software desenvolvidos segundo os seus princípios.

 

Coordenação Científica

Line: 15 to 25
 
Added:
>
>

Docentes convidados (FEUP)

 

Classificação ACM

Line: 37 to 51
 
META FILEATTACHMENT attachment="logo_dhomesphere.jpg" attr="h" comment="" date="1178180610" name="logo_dhomesphere.jpg" path="logo_dhomesphere.jpg" size="7842" stream="logo_dhomesphere.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="logo_enabler.jpg" attr="h" comment="" date="1178180628" name="logo_enabler.jpg" path="logo_enabler.jpg" size="7615" stream="logo_enabler.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
META FILEATTACHMENT attachment="logo_sig.jpg" attr="h" comment="" date="1178180646" name="logo_sig.jpg" path="logo_sig.jpg" size="9416" stream="logo_sig.jpg" user="Main.AlcinoCunha" version="1"
Added:
>
>
META FILEATTACHMENT attachment="LogoCorrectInside.png" attr="h" comment="" date="1178722784" name="LogoCorrectInside.png" path="LogoCorrectInside.png" size="7193" stream="LogoCorrectInside.png" user="Main.JoseNunoOliveira" version="1"

WebHome 14 - 07 May 2007 - Main.JoseNunoOliveira
Line: 1 to 1
Changed:
<
<
Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.
>
>

Sumário

Esta UCE consolida uma experiência de mais de 20 anos no ensino de métodos formais para o desenvolvimento de aplicações de software. Os módulos que a compoem (ver ao lado) corporizam os principais vectores de que depende o projecto fiável de aplicações à escala industrial.

 Na sua componente teórica, a visão é a de abordar problemas de software segundo uma autêntica perpsectiva de engenharia, criando modelos matemáticos sobre os quais é possível raciocinar e calcular. Em particular, aborda-se a síntese de bases de dados e de sistemas de informação por métodos de cálculo simples e eficazes, apoiados por ferramentas desenvolvidas para o efeito.
Line: 13 to 15
 
Added:
>
>

Classificação ACM

De acordo com IEEE/ACM Curriculum Guidelines for Software Engineering:

  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Metrics - 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Requirements/Specifications - 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software Architectures --- 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Software/Program Verification --- 5 ECTS
  • Software/SOFTWARE ENGINEERING/Testing and Debugging --- 5 ECTS
  • Theory of Computation/LOGICS AND MEANINGS OF PROGRAMS/Specifying and Verifying and Reasoning about Programs --- 5 ECTS
 

Parcerias


WebHome 13 - 03 May 2007 - Main.AlcinoCunha

WebHome 12 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 11 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 10 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 9 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 8 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 7 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 6 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 5 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 4 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 3 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 2 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest

WebHome 1 - 19 Oct 2011 - Main.TWikiGuest
Line: 1 to 1

Revision 35r35 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - AlcinoCunha
Revision 34r34 - 12 Oct 2011 - 16:28:11 - AlcinoCunha
Revision 33r33 - 17 Mar 2011 - 00:05:43 - JoseNunoOliveira
Revision 32r32 - 10 Mar 2011 - 11:32:03 - LuisSoaresBarbosa
Revision 31r31 - 20 Jan 2011 - 12:54:09 - JoseNunoOliveira
Revision 30r30 - 04 Jan 2011 - 16:04:13 - JoseNunoOliveira
Revision 29r29 - 19 Oct 2010 - 14:28:26 - AlcinoCunha
Revision 28r28 - 30 Sep 2010 - 07:57:48 - JoseNunoOliveira
Revision 27r27 - 28 Jun 2010 - 09:36:37 - JoseNunoOliveira
Revision 26r26 - 28 May 2010 - 14:43:42 - JoseNunoOliveira
Revision 25r25 - 25 May 2010 - 11:21:56 - JoseNunoOliveira
Revision 24r24 - 25 May 2010 - 08:47:44 - JoseNunoOliveira
Revision 23r23 - 24 May 2010 - 15:55:18 - JoseNunoOliveira
Revision 22r22 - 22 Apr 2010 - 09:56:33 - MariaJoaoFrade
Revision 21r21 - 14 Apr 2010 - 13:57:45 - JoseNunoOliveira
Revision 20r20 - 13 Apr 2010 - 14:15:49 - MariaJoaoFrade
Revision 19r19 - 22 Oct 2009 - 11:44:20 - JoseNunoOliveira
Revision 18r18 - 30 Sep 2009 - 00:38:39 - JoseNunoOliveira
Revision 17r17 - 29 Sep 2009 - 17:45:15 - AlcinoCunha
Revision 16r16 - 10 May 2007 - 11:59:07 - JoseNunoOliveira
Revision 15r15 - 09 May 2007 - 15:05:47 - JoseNunoOliveira
Revision 14r14 - 07 May 2007 - 09:31:34 - JoseNunoOliveira
Revision 13r13 - 03 May 2007 - 08:24:37 - AlcinoCunha
Revision 12r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 11r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 10r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 9r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 8r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 7r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 6r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 5r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 4r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 3r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 2r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
Revision 1r1 - 19 Oct 2011 - 15:17:16 - TWikiGuest
This site is powered by the TWiki collaboration platform Copyright © by the contributing authors. Ideas, requests, problems? Send feedback.
Syndicate this site RSSATOM